3 dicas para quem quer fazer intercâmbio no Quebec

Fazer intercâmbio em outro país é muito mais do que aprender uma língua através da convivência com falantes nativos. É uma oportunidade de mergulhar em outras culturas e ver o mundo com outros olhos, conhecer novas pessoas e — por que não? — se divertir bastante!

Se a sua intenção é aprender francês, a província do Quebec, no Canadá, é uma excelente opção. Sua capital, também chamada de Quebec, é a cidade mais antiga do país — e 96% de sua população é composta por descendentes de franceses. Isso sem falar das incríveis atrações turísticas!

Ficou interessado? Então, continue a leitura e conheça três dicas essenciais para quem vai fazer intercâmbio no Quebec. Vamos lá?

Conheça sua história

Place Royale

Aproveite a temporada de estudos na capital da província para conhecer sua rica história! Comece por uma visita à Place Royale, lugar que pode ser chamado de “marco zero” de Quebec. Foi ali que, em 1608, Samuel de Champlain fundou o posto de comércio que deu origem à cidade.

É nessa praça, também, que está situado o Musee de la Place Royale. O local mostra, através de recursos modernos como filmes em 3D, a história da cidade — desde Champlain até os dias atuais!

Notre-Dame-des-Victoires

Bem perto dali, você pode fazer uma visitinha a uma das mais antigas igrejas de pedra da América do Norte, a Notre-Dame-des-Victoires (32 Rue Sous le Fort). A igreja recebeu esse nome como uma homenagem à Virgem Maria, por sua proteção à cidade em duas ocasiões de invasões britânicas.

Château Frontenac

Por fim, mesmo que você não se hospede ali, não deixe de fazer uma visita guiada ao Château Frontenac (1 Rue des Carrières) — hotel construído no final do século XIX e que carrega um pouco da história do Quebec!

Tudo começou com a construção de uma ferrovia que ligava a cidade de Vancouver à costa leste. Como a viagem durava cinco dias e era muito difícil permanecer todo esse tempo dentro do trem, hotéis foram construídos ao longo do percurso.

Em 1893, o Château Frontenac foi o segundo desses estabelecimentos a ser inaugurado. No ano de 1944, o hotel foi palco de um encontro histórico entre líderes das potências mundiais para planejar a ação que pôs fim à Segunda Guerra Mundial: o ataque à Normandia. Imperdível, não é mesmo?

Mergulhe no mundo da arte

Musée de La Civilisation

No Quebec, o que não faltam são opções de museus! Através de exposições temporárias e permanentes, o Musée de La Civilisation (85 Rue Dalhousie) — inaugurado em 1988 — conta a história do Canadá e de suas expressões culturais contemporâneas e cotidianas.

Musée National des Beaux-Arts du Québec

Já o Musée National des Beaux-arts du Québec, localizado no Battlefields Park (835 Avenue Wilfrid-Laurier), é composto por três pavilhões, cada um em um edifício distinto. Um deles situa-se em uma antiga prisão da capital, construída no século XIX! O local reúne obras de artistas da província e da região, além de promover exposições temporárias.

Curta a natureza

Parc de la Chute-Monmorency

Nem só de arte e de história vive Quebec! Sua natureza também é exuberante. O Parc de la Chute-Monmorency (5300 Boulevard Sainte-Anne), por exemplo, está situado a apenas 13 km do centro da capital — e tem como principal atrativo as quedas d’água que a chegam a 83 metros de altura!

Você pode subir de teleférico ou pela escada panorâmica da encosta, mas não deixe de andar pela ponte suspensa. O parque oferece circuitos de bicicleta — e, também passeios mais radicais, como escalada guiada com apoios pela encosta e tirolesa.

Canyon Sainte-Anne

No Canyon Sainte-Anne (206 Route 138 East), canyons com milhares de anos, uma gigantesca lagoa natural e as várias cachoeiras podem ser contempladas a partir de três pontes suspensas. Ainda dá para aproveitar a tirolesa e fazer escaladas!

Viu só? Quem fizer intercâmbio no Quebec não vai ficar sem opções de lazer e de aprendizado. O que mais te atrai na província? Tem outras dúvidas ou sugestões sobre o destino? Deixe seu comentário e entre para a conversa!
FO_CTA_eBook05_MorarCanada

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.