Como criar metas Smart para o aprendizado de idiomas?

[vc_row][vc_column][vc_column_text]Aprender outro idioma pode ser desafiador e, ao mesmo tempo, fascinante. Para se conduzir qualquer tipo de estudo é preciso, além de dedicação, organização e foco. Antes de iniciar, determine metas claras e, principalmente, objetivas.

Não adianta traçar caminhos fora da realidade ou de contexto. Ultimamente, profissionais de diversas áreas têm feito uso de uma estratégia chamada Metas SMART (trocadilho com a palavra em inglês que significa esperto, inteligente).

Como essa técnica pode ser utilizada para qualquer campo de trabalho/estudo, por que não utilizá-la no aprendizado de outro idioma para você não perder mais tempo? Continue a leitura e aprenda como definir metas Smart para o aprendizado de idiomas!

Metas SMART: o que é isso?

Trata-se de uma metodologia que consiste em tornar as metas mais específicas, direcionando o foco para o propósito que se quer alcançar. Aqui, a palavra SMART é formada pelas iniciais em inglês das metas que devem ser aplicadas — Specific (Específico), Mensurable (Mensurável), Attainable (Alcançável), Relevant (Relevante), Time-based (Temporal).

Specific (Específico)

É importante que, para começar, você especifique ao máximo a sua meta, ou seja, acabe com qualquer possibilidade de interpretação ambígua ou falta de esclarecimento. Por exemplo, você pode começar respondendo que quer aprender francês, em escola presencial, com professor particular no período de dois anos para, daí, prestar exame de proficiência.

Mensurable (Mensurável)

Tudo o que você fizer precisa ter uma medida. Determine períodos para atingir a meta e qual o resultado esperado dela. Continuando com o exemplo anterior, podemos definir que no primeiro ano você vai conseguir entender o idioma falado, ler textos não muito aprofundados e já saber falar algumas frases. Ao fim do segundo ano, você será capaz de compreender completamente as três competências, além de escrever textos e se comunicar perfeitamente.

Attainable (Alcançável)

Nesse momento é necessário saber se a medida determinada anteriormente é atingível e compatível com a sua realidade. Se você é uma pessoa que trabalha muito e não vai conseguir se dedicar como deveria ao estudo do francês, talvez não faça parte da sua realidade estar em um nível avançado na língua em dois anos. Que tal ajustar essa meta de acordo com as possibilidades do seu cotidiano?

Relevant (Relevante)

Para ser eficiente a meta precisa ser relevante para você, pois o caminho se torna mais fácil quando há sensação de realização no cumprimento do objetivo. Complementando o exemplo anterior, se tem como sonho fazer um mestrado na França, será um prazer estudar o idioma, já que há o sentimento de plenitude te aguardando mais na frente.

Time-based (Temporal)

Se você chegou até aqui é sinal de que a meta já foi mensurada, portanto, é preciso que se cumpra o objetivo no tempo determinado.

Quantas vezes você tentou estudar um idioma e, em algum momento, se perdeu na falta de objetivo, sem saber o motivo de estar estudando a língua ou se o aprendizado estava sendo eficiente? Tente mais uma vez, mudando a forma de construir o conhecimento, e você verá que dará certo!

Se você gostou das dicas e quer que os seus amigos tenham conhecimento delas, compartilhe esta publicação em suas redes sociais![/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][stm_multy_separator]
fo_cta_ebook_praticasfrances

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.